Siriri


O Siriri é dançado por crianças, homens e mulheres em rodas ou fileiras formadas por pares, que acompanham toadas cujos temas mudam de verso para verso e cujas composições exaltam principalmente santos, cidades, a natureza, pessoas etc. Tem presença indispensável em festas, batizados, casamentos e festejos religiosos a origem do seu nome é obscura e alguns acreditam ser originado de uma palavra portuguesa e outros acreditam que ele venha do nome de um cupim de asas que tem o mesmo nome e o vôo parecido com os passos da dança. Na dança, as meninas e mulheres mexem as longas e coloridas saias com estampas florais e batem os pés descalços no chão, um ritual que serve para tirar o mau espírito. Os homens e meninos acompanham a toada e os passos com palmas e pisadas fortes. Eles usam sapatos, ao contrário das mulheres, porque fazem uma espécie de sapateado. Os grupos de siriri têm diferenças entre si: há alguns mais lentos e outros têm batidas distintas na viola de cocho.

Viva o Siriri!


Associação Cultural Flor Ribeirinha

  • +55 (65) 9 9204-8404 | 9 9238-6629 - Jeferson Guimarães
  • +55 (65) 9 9262-0881 | 9 9234-7699 - Avinner Augusto
  • contato@florribeirinha.com.br


Todos os direitos reservados ©

Desenvolvido por Rodrigo Lopes (65) 9 9647-3769